LogoColors

Transformação Digital na Saúde

Transformação Digital na Saúde. Embora ainda parece um setor longe da disrupção, a Saúde está prestando bastante às mudanças no setor de ligada nas novas tecnologias que podem ajudar profissionais e pacientes no futuro através da Transformação Digital.

 

Transformação Digital na Saúde

A Transformação Digital na Saúde pode parecer ainda um caminho incerto e nebuloso. Isso porque decidir quais novas tecnologias merecem o investimento ou ainda unir o time envolta do mesmo objetivo parecem tarefas muito árduas. Mas é claro que embarcar na jornada digital exige flexibilidade e mindset cultural de assumir riscos. Para alcançar a disrupção necessária, é preciso abrir mão de processos antigos e confiar nos bons resultados que era trará. Isso porque a Transformação Digital na saúde pode obter um impacto positivo nos serviços médicos gerais.

A telemedicina, a Inteligência Artificial nos dispositivos médicos, os registros médicos na Blockchain são apenas alguns dos exemplos de como a Transformação Digital já está atuando no campo da saúde, impactando os profissionais de saúde. Os dados que podem ser analisados hoje são usados na melhoria de diagnósticos e escolha dos melhores tratamentos para cada enfermidade.

No entanto, este setor tão tradicional sempre estava um pouco atrasado em relação aos outros, de maneira que a implementação de estratégias digitais precisou apertar o passo na última década.

Graças à tecnologia, pacientes recebem melhor tratamento através de ferramentas digitais, pequenos dispositivos médicos de monitoramento, telemedicina e até mesmo da tecnologia 5G que logo chegará aos nossos telefones. Do outro lado dessa relação, os médicos conseguem melhorar seus fluxos de trabalho e compreensão de diagnóstico através de sistemas que usem inteligência artificial.

Vamos ver alguns pontos importante do momento atual da Transformação Digital na Saúde.

 

Transformação Digital na Saúde

 

Cuidado médico on-demand

O conceito de On-demand todos já conhecem a partir dos serviços de streaming como Prime Video e Netflix, no qual escolher como e quando queremos consumir algo. Para a saúde, os pacientes também estão buscando essa comodidade uma vez que as agendas cheias e turbulentas são a realidade da maioria.

Ainda nesse sentido, o smartphone ganha ainda mais espaço, de maneira que os players no setor da saúde não podem esquecer do conteúdo mobile para suas estratégias de marketing. Somente em 2020, o tráfego total em sites do mundo ocorreu 50% a partir de dispositivos smartphone. Mais de 4 bilhões de pessoas no mundo estão na internet e os players podem abordar as melhores práticas da Transformação Digital na Saúde.

Marketplaces para saúde também estão alta, conectando médicos e pacientes rapidamente conforme a necessidade, ou seja, a Economia GIG chegou ao setor da saúde e é mais uma forte tendência para se acompanhar.

 

Big Data na Saúde

O Big Data consegue reunir informações de todos os tipos dentro de um negócio: redes sociais, vendas e transações online, transações financeiras e até mesmo identificar padrões dos pacientes.

Os benefícios do uso do Big Data são:

  • Redução de erros médicos: com a análise do histórico do paciente é possível destacar inconsistência entre a saúde do paciente e os remédios prescritos, alertando os profissionais quando há um risco em potencial para erro médico.
  • Melhores contratações: a análise preditiva do Big Data pode ajudar hospitais e clínicas a estimarem quantidades necessárias de profissionais o que ajuda a alocar as pessoas certas nos locais certos para atender aos pacientes, de formar a reduzir custos e o tempo de espera na emergência.

O investimento em Big Data nunca é barato ou simples, mas o retorno desta tecnologia é uma grande vantagem competitiva.

 

Realidade Virtual para tratar pacientes

Atualmente, são inúmeros os estudos que o uso de algumas tecnologias para tratar enfermidades. Há videogames que estão sendo prescritos para tratar o déficit de atenção em jovens e até mesmo o Pokemon Go ajudando na depressão. No mais, a realidade virtual está sendo indicada para o tratamento da dor, ansiedade estresse pós traumático reduzindo a necessidade de medicamentos – o que já é considerada uma pandemia.

 

Transformação Digital na Saúde

 

Uso de wearables

Os wearables são pequenos dispositivos tecnológicos que podemos utilizar com facilidade como, por exemplo, relógios de pulso que sejam smart. Estes wearables estão conseguindo coletar muitos dados dos pacientes durante todo o tempo de uso. Antigamente, as pessoas só realizavam check-ups anuais ou quando algum problema realmente incomodava. Em contrapartida, os wearables de hoje permitem controlar níveis de açúcar, colesterol, caminhadas, entre outros.

Através destes wearables, as empresas conseguem ser mais proativas no monitoramento da qualidade de saúde dos seus clientes. Em um relatório recente, o mercado para wearables de saúde pode chegar a 27 milhões de dólares até 2023.

 

Transformação Digital na Saúde

Os wearables mais conhecidos são:

  • Sensores de batimentos cardíacos
  • Rastreadores de exercícios
  • Sensores para monitoramento de açúcar no sangue
  • Oxímetros – verificam a quantidade oxigênio no sangue e tiveram um boom durante a pandemia.

 

 

A consultoria Deloitte, em colaboração com o Scottsdale Institute, apresentou um relatório bem completo da Transformação Digital na Saúde.

Aqui, vemos alguns insights do estudo da Deloitte:

  • Os sistemas de saúde consideram as competências digitais o caminho certo para transformar as relações com os consumidores. 92% dos entrevistados esperam melhorar a experiência do paciente a partir da Transformação Digital.
  • A jornada de Transformação Digital pode ser longa, mas os sistemas de saúde estão focando em cada marco para ganhar mais valor. 60% dos entrevistados avaliaram estar no meio do caminho da jornada digital. Neste sentido, os líderes estão criando check-points para avaliar e medir o valor agregado nestas iniciativas, em vez de aguardar o retorno no investimento (ROI).
  • Talentos, dados e definição dos indicadores (KPIs) são desafios para os seus orçamento financeiros. Cerca de 1/3 dos entrevistados afirmaram que o investimento em talento é uma das principais prioridades para o próximo ano.
  • Líderes são as peças-chave para o sucesso da Transformação Digital. Dos entrevistados, 80% afirmaram que a liderança são os grandes aceleradores da transformação digital.
  • Dos entraves à Transformação Digital, 60% pontuaram a cultura interna e 60% a comunicação.

 

Conclusão sobre a Transformação Digital na Saúde

A Transformação Digital na Saúde tem sido bastante promissor para os próximos anos à curto prazo.

Assim como qualquer negócio, o objetivo é criar produtos e serviços que melhorem a vida dos seus pacientes. A tecnologia pode ajudar as empresas a alcançarem esse objetivo.

Ana Wadovski

Web3, Metaverso, Inovação e Transformação Digital

Jornalista brasileira vivendo em Lisboa, especialista em Digital Business, com foco em Transformação Digital e Futurismo. Tecnologia, para mim, é palavra feminina. Quero estar dentro dos debates sobre o impacto da tecnologia na vida das pessoas e das empresas, contribuindo para desenhar um futuro melhor para todos.

Postagens relacionadas

Assine nossa Newsletter

Receba toda semana as notícias mais interessantes sobre Inovação, Transformação Digital e Futurismo, cuidadosamente selecionadas por nós.

Toda segunda-feira às 6h de la matina.