LogoColors

Relatório Transformação Digital

O Relatório Transformação Digital ajuda os líderes a navegar em mundo incerto com insights únicos sobre como as novas tecnologias estão impactando os negócios e a sociedade. Isto porque os últimos anos trouxeram uma maré enorme de grandes novidades para o mercado. Agora, parece que a cada semana tornou-se comum vermos produtos e serviços cada vez mais inovadores.

Já fomos apresentados ao primeiro carro autônomo comercial da Tesla bem como o primeiro Uber autônomo. A Amazon e outras grandes empresas de logística estão utilizando drones que conseguem carregar mais peso e por uma distância maior. No campo da inteligências artificial, o Facebook e o Google criaram repositórios open source para acelerar o aprendizado do Machine Learning.

Na área da medicina, pesquisadores estão desenvolvendo ferramentas de Deep Learning para melhorar o diagnóstico precoce de doenças como o Parkinson. Além disso, a  grande onda de inovação na realidade virtual e na realidade aumentada está sendo liderado pela Microsoft com o seu incrível HoloLens.

As bases tecnológicas que tornaram tudo isso possível são a cloud, os sensores IoT, a análise de dados, a  inteligência artificial, entre outras. Quando estas tecnologias convergem, suas potencialidades são quase inimagináveis. Este é o contexto no qual a inovação tecnológica está a disruptar negócios e modelos de operação, e ainda trazendo grandes impactos para o nosso dia-a-dia.

De acordo com o Relatório de Transformação Digital do Banco Mundial Econômico,  a digitalização tem o potencial de alcançar 100 trilhões de dólares em valor para os negócios e a sociedade na próxima década.

 

A Pandemia e a Transformação Digital

É inegável que a pandemia foi a grande responsável por trazer o termo “Transformação Digital” para o topo da pauta das preocupações dos líderes.  Em um relatório de Transformação Digital da Fujitsu , 1200 líderes em 9 países responderam a uma pesquisa de como as empresas se prepararam para o mundo pós-pandemia.

 

 

E as principais razões para uma resposta tão efetiva foram elencadas no relatório:

  • As empresas já possuíam uma cultura de agilidade para responder às mudanças.
  • As empresas estão preparados por causa da digitalização dos negócios ou porque elas estavam aptas a acelerar a Transformação Digital no seu ecossistema.
  • O bem-estar dos funcionários foi uma prioridade.

 

Relatório Transformação Digital Inovação

 

Prioridades de Transformação Digital

A resiliência foi tida como a prioridade número um das empresas. As outras prioridades foram a automação dos processos, decisões baseadas em dados (data-drive) e experiências centradas no usuário.

 

Prioridades de Transformação Digital

 

Experiência do cliente

Administração centrada no ser humano

Gestão com propósito

Confiança de clientes e comunidades

Ecossistema de Negócios

 

No relatório da Fujitsu ainda é destacável a quantidade de empresas em processo de digitalização: 44% delas previram estarem automatizadas até o final do ano de 2025. Ou seja, a demanda por automação está em alta.

 

Inovação na Indústria

No relatório Transformação Digital na Indústria da Skift  ficou clara a necessidade de Transformação Digital no setor do turismo. De acordo com a Skift, 91% dos que responderam à pesquisa declararam que a Transformação Digital foi uma das prioridades para o negócio. A maturidade digital das empresas também foi um ponto de destaque no mesmo relatório.

Já o relatório Transformação Digital da McKinsey apresenta que empresas que implementam novas tecnologias na sua jornada de transformação digital conseguem obter melhores resultados.

Fonte: McKinsey

 

 

Competências Digitais

Mesmo que os negócios estejam priorizando inovação e colocando a Transformação Digital como um fator determinante na estratégia, as competências digitais para conduzir este momento ainda não estão conseguindo acompanhar todas as mudanças. Cerca de 60% dos entrevistas avaliaram suas habilidades na era digital apenas como estando “na média”.

No entanto, comparado ao relatório do ano passado, houve um aumento percentual na maneira com que as empresas estão enxergando seus esforços para realizar a Transformação Digital.

Em 2020, 20% das empresas alegaram estar ficando para trás nos seus esforços para digitalização. Este ano, a porcentagem caiu para 10%.

 

 

Empresas Data-Driven

90% dos entrevistados afirmaram que coletar, analisar e tomar ações baseados em dados foi muito importante para o sucesso do negócio no último ano. O número obtido ainda é uma constante no relatório mesmo comparado ao ano anterior. A necessidade de bons dados é um dos pilares da Transformação Digital uma vez que eles exploram os desejos do cliente e ainda hiperpersonalizam toda experiência individual.

No entanto, o cenário do uso de dados nas empresas permanece difícil. 41% afirmaram preocupações com segurança e privacidade dos dados bem como 37% sinalizaram a falta de funcionários qualificados de acordo com o relatório da Skift

Na pesquisa da Fujitsu, 83% dos entrevistados das organizações offline concordaram com a importância de práticas data driven a fim de se tornarem mais competitivos.

 

Inteligência Artificial

A Inteligência Artificial (IA) já faz parte das nossas vidas  porque as empresas estão cada vez fazendo maior uso dela. Dentro da IA, temos ainda o Machine Learning e o Deep Learning. Estes dois usos do IA ajudam a transformar dados não tratados em ações, personalizando experiências e prevendo ainda demandas futuras. As grandes empresas do entretenimento utilizam bastante esta tecnologia, como por exemplo o algoritmo de recomendação da Netflix.

Na entrevista da Skift, 47% dos entrevistados relataram que o uso de IA os tornou mais competitivos, enquanto 46% declara economia de tempo nos processos e ainda 44% afirmaram que o uso de IA abriu novas oportunidades de negócios.

 

Computação em Nuvem

Os serviço oferecidos na nuvem crescem cada vez mais a cada graças à flexibilidade e à agilidade oferecidas por esta tecnologia. No entanto, 36% dos entrevistados afirmaram ainda estar nos “estágios iniciais” do uso da Cloud enquanto 30% ainda estão migrando suas operações. As alegações para este atraso estão ligados ao custo operacional para implementação da cloud, falta de equipe experiente e até mesmo as preocupações com segurança de dados.

 

Relatório Transformação Digital: o Comportamento Digital

Enquanto a Transformação Digital segue como estratégia das empresas, existe outro lado de como as pessoas em seu cotidiano estão lidando com todas as inovações e mudanças do mundo pós-pandêmico. A exemplo disso podemos falar do Metaverso, das Criptmoedades e dos NFTs.

Vejamos abaixo, segundo relatório da Momentive como as pessoas estão respondendo aos novos hábitos digitais.

 

Metaverso

Tem mais gente preocupada com o Metaverso do que animada com ele. De acordo com pesquisa da momentive, cerca de 58% das pessoas não estão se importando com o Metaverso.

Smart Houses

Cerca de 54% das pessoas afirmaram estar animadas em ter uma casa totalmente digital e integrada.

Nova Economia

nem todo mundo está ansiosa com bitcoins. Dos que responderam a pesquisa, 34% afirma que é muito arriscado investir em Bitcoins. Para os mais velhos, há um descrença ainda de que os jovens não conseguirão fazer economias para viver a aposentadoria com segurança.

Smart Cities

51% está à vontade em viver no que chamamos de Cidades Inteligentes.

 

Trabalho Híbrido

66% das pessoas responderam que preferem o modelo híbrido de trabalho, ou seja, remoto e presencial.

 

Tecnologia Contactless

Outro ponto importante que as empresas estão atentas é a experiência do seu cliente e/ou usuário. Após a pandemia, 50% das empresas afirmam terem acelerado suas práticas em negócios digitais. Os protocolos de higiene e distanciamento social impulsionaram a adoção de tecnologias contactless, bem como o ajuste para operações mais enxutas e eficientes.

Ana Wadovski

Web3, Metaverso, Inovação e Transformação Digital

Jornalista brasileira vivendo em Lisboa, especialista em Digital Business, com foco em Transformação Digital e Futurismo. Tecnologia, para mim, é palavra feminina. Quero estar dentro dos debates sobre o impacto da tecnologia na vida das pessoas e das empresas, contribuindo para desenhar um futuro melhor para todos.

Postagens relacionadas

Assine nossa Newsletter

Receba toda semana as notícias mais interessantes sobre Inovação, Transformação Digital e Futurismo, cuidadosamente selecionadas por nós.

Toda segunda-feira às 6h de la matina.